Gestor Redes Sociais Portugal | Ivo Pontes - Marketing Digital
516
single,single-post,postid-516,single-format-standard,ajax_fade,page_not_loaded,,qode_grid_1300,footer_responsive_adv,qode-content-sidebar-responsive,qode-theme-ver-10.1.1,wpb-js-composer js-comp-ver-5.0.1,vc_responsive
 

Internet: Gestor Redes Sociais

Internet: Gestor Redes Sociais

A internet e a gestão de redes sociais

A facilidade de acesso à internet e a proliferação de dispositivos móveis deram lugar entre muitas coisas a novas oportunidades para as marcas gerarem envolvimento com os consumidores que, cada vez mais “ligados” ao meio digital anseiam por conteúdo virtual. Neste contexto, surge também a necessidade de formar uma nova geração de especialistas em comunicação, munidos de capacidades técnicas no sentido de veicular de forma inteligente as mensagens das marcas às suas audiências-alvo.

Portanto, num país com uma taxa de desemprego tão elevada (12,2% no último trimestre de 2015 segundo o Instituto Nacional de Estatística) não fará sentido sensibilizar as novas gerações para esta questão? Obviamente não será uma solução a curto prazo na medida em que terão de ser activados os recursos adequados no sentido de formar profissionais para dar resposta ao mercado. Deste modo, embora já existam algumas iniciativas formativas no sector privado, o sector público segue a sua longa tradição de desfasamento em relação às necessidades imediatas e reais do mercado profissional.

 

O porquê das redes sociais

Do vasto mar de informação que é a internet, emergem várias plataformas sociais cuja gestão eficiente se torna uma necessidade crescente para as marcas, sendo que, segundo vários autores os consumidores começaram a desenvolver imunidade à publicidade tradicional como consequência do bombardeamento incessante de mensagens comerciais. Portanto, as redes sociais representam um novo amanhecer para as marcas, isto é, um novo percursor para as suas práticas de comunicação disruptivas, principalmente para as gerações Y e Z que exigem cada vez mais, experiências envolventes e complexas. Desde modo, faz-se notar actualmente um aumento em relação à fatia do orçamento total disponível para investimento em tecnologias de informação e comunicação alocado para as redes sociais, o que naturalmente leva ao surgimento de pessoas especializadas neste tipo de comunicação.

No que respeita às capacidades técnicas destes especialistas, sendo que é um meio que requer um influxo de conteúdo visual de alta qualidade, estes profissionais deverão ter a capacidade de conceptualizar e criar conteúdo rico visualmente, por outro lado, será também uma mais-valia a aptidão para a escrita criativa e sensibilidade gramatical, sendo que, grande percentagem da comunicação será sob a forma escrita. Além disso, o conhecimento em marketing como alicerce para estratégias de comunicação e estatística no contexto social serão sem dúvida valorizados.

Numa sociedade cada vez mais segmentada a todos os níveis e com uma elevada taxa de desemprego, a internet e as suas plataformas digitais representam novas oportunidades tanto para as marcas como para jovens que procuram iniciar uma carreira, quem sabe de sucesso.
 

Ajude a fazer crescer a nossa comunidade de fãs no Facebook. Visite a página agora!